Frimesa terá maior frigorífico da América Latina

A Cooperativa central Frimesa, do Oeste do Paraná, iniciou no município de Assis Chateaubriand, a construção do maior frigorífico da América Latina, que terá capacidade de abate de mil cabeças de suíno por hora.

Na primeira etapa, que deve ser concluída ainda em 2018, serão investidos R$ 600 milhões, gerando mais de três mil empregos diretos. Uma segunda fase de expansão, em 2024, prevê investimentos de mais R$ 350 milhões para que a cooperativa alcance até 2030 a capacidade de abater 15 mil suínos por dia.

O novo frigorífico ocupará uma área construída de 141 mil m² em uma propriedade de 115 hectares. Detalhes sobre o cronograma do projeto e de geração de empregos serão apresentados apenas às vésperas do lançamento da pedra fundamental.

%d blogueiros gostam disto: