Coamo é eleita a melhor cooperativa agrícola do Brasil

A Coamo foi premiada, na noite de 27 de novembro, em São Paulo, como a melhor Cooperativa Agrícola do Brasil e com a melhor Gestão Financeira entre as cooperativas. O destaque foi na premiação “As Melhores da Dinheiro Rural 2017”. O reconhecimento é uma iniciativa da Editora Três, que seleciona as companhias que atuam no agronegócio e que apresentaram o melhor desempenho em seu setor de atuação em 2016. A Coamo foi representada pelo engenheiro agrônomo e diretor-secretário da cooperativa, Ricardo Accioly Calderari, e pelo superintendente Comercial Alcir José Goldoni.

O ranking “As Melhores da Dinheiro Rural”, é o mais completo do País. Além de avaliar os indicadores financeiros, também utiliza os dados de governança corporativa, responsabilidade social e ambiental, inovação, qualidade, recursos humanos e integração da cadeia produtiva para selecionar as empresas e cooperativas vencedoras.

Ricardo Accioly Calderari subiu no palco ao lado de Alcir Goldoni para receber os dois troféus – Melhor Cooperativa Agrícola do Brasil e com a melhor Gestão Financeira. Para ele, o prêmio veio fechar o ano e o bom desempenho da Coamo. “É uma satisfação receber esse reconhecimento em nome da diretoria, cooperados e funcionários. É um tripé que leva o nome da Coamo para o cenário nacional. E o prêmio foi entregue justamente no dia que a cooperativa comemorava 47 anos, o que nos deixa com motivos a mais para celebrar”, assinala.

O diretor de Núcleo da editora Três, Milton Gamez destaca e valoriza a importância do setor rural. “O agronegócio brasileiro tem um papel fundamental e uma vocação para ser um dos maiores produtores de alimentos do mundo. Valorizamos no ranking as melhores práticas de gestão corporativa, eficiência, recursos humanos e sustentabilidade. A Coamo, por sua excelência em gestão e resultados, não poderia ficar de fora desta edição de As Melhores da Dinheiro”, assinala.

Os prêmios foram entregues por Roberto Rodrigues, ex-ministro da Agricultura e embaixador especial da ONU para as cooperativas. Ele ressalta a emoção em fazer a entrega. “A Coamo merece as premiações pelo trabalho sério que desenvolve em prol do cooperativismo. Ele ressalta ainda que o segmento agrícola é a base social, econômica e ambiental do Brasil. “Produzimos com sustentabilidade já há vários anos. Problemas sempre existiram e enfrentamos com otimismo. Precisamos manter essa linha firme para continuarmos sustentando a economia brasileira”, diz.

%d blogueiros gostam disto: