Sistema OCB conclui primeira etapa do projeto Conhecer para Cooperar

sistema_ocb_08_07_2016O Sistema OCB concluiu a primeira etapa do projeto Conhecer para Cooperar com foco nas cooperativas agropecuárias. As atividades que envolveram palestras, debates e apresentação de cases começaram na segunda-feira (4 de julho) e teve como público-alvo representantes de cooperativas agropecuárias, de crédito, de unidades estaduais, do Banco Central, dos ministérios da Agricultura e da Fazenda, da Caixa Econômica Federal, do Banco do Brasil, do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e da Federação das Cooperativas Agropecuárias (Fecoagro).

O objetivo foi promover a imersão dos agentes financeiros e dos formuladores de políticas públicas focadas no setor agropecuário no universo cooperativista, visando ampliar sua compreensão quanto à realidade do cooperativismo agropecuário.

O presidente do Sistema OCB, Márcio Lopes de Freitas, participou das atividades. Segundo ele, os desafios que o mercado coloca diante do negócio cooperativo, atualmente, são cada vez mais intensos, por isso é fundamental estar preparado. “Nossa obrigação é buscar, cada vez mais, modos de fazer frente a estes desafios, respeitando a diversidade e criando unidade para evoluir todos os processos que elevam o nosso nível de competitividade. Para isso, as cooperativas têm um aliado grandioso: o Sescoop”, enfatiza Márcio Freitas.

Ele fez questão de agradecer o empenho dos participantes do Conhecer para Cooperar. “Vocês, que representam as nossas cooperativas, e, também, os parceiros aqui presentes estão desbravando um caminho novo de geração de ideias, para criar um desenho estratégico de desenvolvimento. Que possamos fazer isso juntos, afinal de contas, todo mundo ganha quando ninguém perde”, comenta o presidente do Sistema OCB.

RELACIONAMENTO
“Estamos muito satisfeitos em concluir, com a ajuda de vocês, este processo que é muito importante à medida que contribui com o entendimento de realidades entre as cooperativas e os agentes financeiros e de políticas públicas. Além disso, é visível o aprendizado obtido nestes dias. Por isso, esperamos que este evento frutifique com ações que melhorem o dia-a-dia e o mecanismo de desenvolvimento das cooperativas, gerando resultados e felicidade. Parabéns pela perseverança.” Renato Nobile, superintendente do Sistema OCB

INTERCOOPERAÇÃO
“O que poderia ser destacado como grande ganho é que as instituições de crédito cooperativo puderam conhecer um pouco mais da realidade das cooperativas agropecuárias e estas, por sua vez, também tiveram a chance de compreender com mais profundidade os mecanismos das cooperativas de crédito. Acho que temos uma grande oportunidade pela frente de trabalhar mais a intercooperação entre estes dois ramos para solucionar questões relacionadas ao funding do crédito rural, por exemplo.” Luciano Ribeiro Machado, Superintendente comercial do Bancoob.

Fonte: Sistema OCB

%d blogueiros gostam disto: