OCB quer que ANS conheça mais de perto as cooperativas de saúde

saúdeO Sistema OCB buscar estreitar a relação entre a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e as cooperativas do Ramo Saúde. Este foi o assunto da reunião entre o superintendente do Sistema OCB, Renato Nobile, e o diretor presidente da Agência, José Carlos de Souza Abrahão. O presidente do Sistema OCB/PB, André Pacelli, representante das cooperativas de saúde na diretoria da Organização das Cooperativas Brasileiras, também acompanhou a audiência, ocorrida no Rio de Janeiro.

A intenção dos cooperativistas foi propor ações que assegurem mais efetividade ao acordo de cooperação técnica firmado no ano passado entre o Sistema OCB e a Agência. Para isso, Nobile e Pacelli apresentaram duas propostas ao presidente da ANS: a efetivação de um canal de comunicação que informe sobre o andamento das ações desenvolvidas pelas duas entidades e a realização de uma pesquisa que leve em conta o modelo de governança das cooperativas.

“O que nós queremos é que a ANS conheça todos os pormenores do movimento cooperativista brasileiro e, assim, crie normativos que possam regular as cooperativas com a devida consideração de suas características. Este tipo de ação surtiu muito efeito com o Banco Central, que regulamenta as cooperativas de crédito no Brasil”, explica Renato Nobile.

AVANÇO – Outro ponto positivo da reunião será a possibilidade do Sistema OCB acompanhar as reuniões da Câmara de Saúde Suplementar. É no âmbito deste colegiado que são debatidos os normativos a serem editados pela Agência.

%d blogueiros gostam disto: