Líderes do cooperativismo de crédito se reúnem no Rio

Bases_450 x 450 px_ClaudioPor Cláudio Montenegro. Jornalista, editor chefe da Rio Cooperativo, diretor geral da Montenegro Grupo de Comunicaçãomontenegrocc@montenegrocc.com.br

O Rio de Janeiro recebeu na última semana o 29º Congresso da Confederação Internacional dos Bancos Populares (CIBP). O evento reuniu as principais lideranças do cooperativismo de crédito do mundo. Sediado pela primeira vez no Brasil, o congresso foi uma realização da CIBP em parceria com o Banco Cooperativo do Brasil (Bancoob).

O congresso ocorre a cada três anos e discute assuntos que possam contribuir para o desenvolvimento dos sistemas cooperativos. O tema escolhido para esta edição foi “Inovação para fortalecimento dos sistemas cooperativos”, e buscou promover a capacitação, reflexão, motivação e atualização dos participantes, gerando conhecimento técnico e mercadológico, além de ser um fórum para network internacional.

Para o presidente do Bancoob, Marco Aurélio Almada, o evento foi muito importante, pois foi possível discutir assuntos como: novas tecnologias, a pujança de uma nova geração de clientes e a inovação em serviços financeiros. “Por meio destas discussões, podemos conhecer, juntos, as formas de desenvolver nossos países por meio dos sistemas financeiros cooperativos”, enfatizou Almada.

Cooperativas do RJ participam de oficina sobre o CAR

Terminam amanhã, dia 23, as oficinas sobre o Cadastro Ambiental Rural (CAR). Destinada a cooperativas agropecuárias, a capacitação já contemplou instituições do segmento agropecuário localizadas nas regiões Centro Sul Fluminense e Serrana. A formação é uma realização do Sistema OCB.

Os cooperados receberão informações a respeito dos principais mecanismos legais relacionadas ao setor ambiental, especialmente sobre o novo Código Florestal. Além disso, os participantes também farão uma simulação no sistema do CAR. Nesta quinta-feira, dia 22, serão capacitados cooperados e técnicos de cooperativas localizadas na Região Norte/Noroeste Fluminense e, amanhã, dia 23, os cooperados de instituições da Região dos Lagos.

GT discute manuais do Ramo Transporte

O Sistema OCB deu mais um passo importante rumo à edição dos Manuais Contábil, Tributário e Operacional das Cooperativas de Transporte do país. Na última semana, integrantes do grupo de trabalho responsável pela validação dos materiais se reuniram na sede do Sistema Ocesc, em Florianópolis (SC), para discutir as versões preliminares dos manuais. Para o Sistema, a elaboração dos manuais objetiva padronizar os processos operacionais das cooperativas de transporte e promover o atendimento de legislações contábeis e tributárias específicas do setor. Espera-se, com isso, reduzir significativamente o risco de autuações.

Ramos do Cooperativismo

No Brasil, existem cooperativas em 13 setores da economia. Todos representados pela Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), nacionalmente, e pelas Unidades Estaduais (Oces). Criadas, em 1993, a divisão facilita a organização vertical das cooperativas em confederações, federações e centrais.

Mineral – São cooperativas constituídas para viabilizar a extração, industrialização e comercialização de produtos minerais.

%d blogueiros gostam disto: