Ramo Transporte discute criação de aplicativo e bandeira única nacional

1409755096Uma novidade pode chegar em breve ao alcance de taxistas e passageiros. As cooperativas do segmento táxi devem lançar em breve um aplicativo que facilitará a comunicação entre o taxista e o usuário do serviço. O aplicativo faz parte de um projeto mais amplo, que visa a criação da bandeira única para o setor. Os assuntos foram discutidos em Brasília por integrantes do Grupo de Trabalho Táxi, fórum criado para discussões a respeito do segmento.

O GT discutiu, ainda, sobre o texto base de orientação, a ser assinado pelo Sistema OCB, em relação ao atual cenário tecnológico e difusão de aplicativos clandestinos que vem tomando mercado. Outros debates ocorreram em função dos principais projetos de lei que tramitam tanto no Congresso Nacional e que afetam as cooperativas do segmento.

À tarde foi realizada a reunião das Câmaras Temáticas dos segmentos de Cargas e Passageiros do Ramo Transporte. Da pauta de discussão constava assuntos como as dificuldades enfrentadas por alguns estados no atendimento ao cooperado de cooperativa de transporte no atendimento ofertado pelo Sest/Senat.

O grupo também discutiu sobre as estratégias de atuação sistêmica em relação a criação do marco regulatório do transporte e sobre a criação de um projeto para negociação de redução da base de cálculo do Imposto de Renda para o segmento de passageiros, no âmbito da Receita Federal.

RODA DE NEGÓCIOS – Como uma das definições, a comissão responsável pela elaboração do projeto que viabilize a realização da Rodada de Negócios do Ramo Transporte em 2016, ficou com a missão de, até a próxima reunião do Conselho Consultivo, definir os objetivos, público-alvo e o local mais apropriado para realização do evento.

%d blogueiros gostam disto: